6 coisas que empreendedores devem parar de fazer

Saiba os motivos pelos quais uma lista do que não fazer também pode ser importante na sua carreira

Atitudes boas de empreendedor
Todos nós temos planos e listas de coisas a se fazer em nossa mente. Isso vai nos ajudar a manter o foco naquilo que vai nos beneficiar, nos fazer bem sucedidos e ajudar a alcançar nossos objetivos.
Porém, fazer uma lista de coisas que não devem ser feitas em caso algum pode ser tão efetivo quanto. Ajudando a manter o foco e ajudando a alcançar mais objetivos, ela pode nos deixar longe daquilo que só vai atrasar nossos planos.
Em um artigo no site da Forbes, o escritor Paul B. Brown enumerou as seis coisas que empreendedores deveriam parar de fazer neste exato momento.

1 – Reclamar

Viver não é fácil e ninguém passa pela vida sem feridas. Todos nós temos nossos problemas e precisamos lidar com eles todos os dias. Porém, reclamar não vai fazê-los sumir, além de ser um grande passo para nos fazermos de vítimas. “Se existe uma forma de fazer o problema sumir, o faça. Se não houver, trabalhe duro para usar todas as cartas que você tiver em sua mão”, escreveu Brown.

2 – Esperar

“Por que ser o passageiro da sua própria vida, quando você pode ser o motorista?”, questiona Brown. Apesar de parecer ser mais fácil apenas reagir ao que acontece ao seu redor quando as coisas estão acontecendo e esperar que algo de bom saia de toda essa situação, por que ser tão passivo? Dar o primeiro passo em direção ao seu objetivo e ver o que acontece após é a melhor solução, pois esperar que o telefone toque ou o e-mail chegue é apenas uma forma de se frustrar. Junte isso ao fato de que nada estará acontecendo enquanto você espera, e isso se torna apenas um motivo maior para você parar de esperar agora mesmo.

3 – Planejar (quando você não pode)

Sim, planejar pode ser bom. Em algumas situações é o certo a se fazer, quando você sabe o que precisa ser feito e tem total controle da situação. Se você sabe que o dia de amanhã vai ser parecido com o de hoje, faz sentido planejar o seu dia. “Por exemplo: ter um plano detalhado faz sentido se você quer introduzir um produto existente em um mercado similar ao que você já está inserido”, exemplifica Brown. Porém, o mundo dos negócios não é tão previsível assim. Quando você se encontra cara a cara com um futuro imprevisível, planejar é impossível. Não faça planos, aja. Dê aquele primeiro passo aconselhado no segundo item e veja o que acontece.

4 – Estressar-se

Se em vez de um trabalho você tem uma carreira, você sempre terá muita coisa para fazer. Muitas reuniões, telefonemas, e-mails, obrigações. Acredite, o que estiver fora do seu controle dará errado. Seu voo vai ser cancelado, seu computador vai dar problemas, existirá o engarrafamento no caminho de uma importante reunião. Essas coisas são inevitáveis e poderão acontecer. Não faça a situação piorar se estressando, sabendo que precisa fazer em 10 minutos algo que você sabe ser necessário bem mais que isso para ser realizado. A grande saída para tudo isso é não deixar nada ao azar. Elimine todas as variáveis possíveis. “Corrija as coisas em que você não for bom (isso vai fazer uma grande diferença). Escute sua mãe: durma mais e coma saudavelmente. Em resumo, fique fora do seu próprio caminho”, ressalta Brown.

5 – Contribuir para os problemas e tensões

Pessoas sempre irão reclamar, sempre irão fofocar e sussurrar, sempre irão revirar os olhos em desaprovação. Por algum motivo, isso os faz se sentirem melhores e superiores. Mas isso não faz bem para você e nem para seu futuro. Não faça parte desse grupo.

6 – Ser confiante demais

“Sim, você é confiante e esperto. Mas não, não significa que você sempre vai ter a resposta certa para tudo”, afirma Brown. Pedir ajuda a outras pessoas inteligentes e de confiança sempre pode trazer um novo olhar para aquilo que você está com dificuldade.
Parar de fazer todas essas coisas é sempre uma forma de melhorar, e isso é algo que você nunca deve parar de fazer.
Fonte: site administradores.com.br

A CB Sistemas é uma empresa Blumenauense voltada para desenvolvimento de Sistemas de Gestão empresarial. Desenvolvendo produtos confiáveis e versáteis, capazes de atender as necessidades e proporcionar resultados precisos, indispensáveis na tomada de decisões.